segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

* PEQUENO TANQUE DE RETENSÃO DE AREIA DA PREFEITURA NO TERRENO DO ANTIGO DER JÁ ESTÁ CHEIO.

Toda a enxurrada desce do loteamento trazendo com as águas, muita lama de caulim e areia chegando ao tanque, onde ficam retidos. Data da foto: 30/01/12
.

Tanque medindo aproximadamente 4m x 8m x 1m de profundidade antes das chuvas do último fim de semana. Data da foto: 25/01/12
O mesmo tanque após as chuvas. Vejam a grande quantidade de areia retida. Foto: 30/01/12
No objetivo de solucionar temporariamente o problema da lama e areia de caulim que descem da área do "equivocado" loteamento da prefeitura, invadindo a Av. Governador Valadares (a Reta), Rua Dona Miquelina e Rua Quinze, a secretaria de obras abriu um tanque de captação medindo aproximadamente 4m x 8m, com mais ou menos 1m de profundidade na área do antigo DER com o objetivo de reter os detritos. Aparentemente a idéia surtiu efeito, como vimos após as chuvas deste fim de semana.
A questão agora é que o tanque já está quase cheio e se vier mais chuvas antes que toda a areia seja retirada, o problema voltará a acontecer na Reta.
É preciso deixar claro que o problema não acabou! Ainda tem muita areia pra descer! Vai ser preciso retirar toda a areia retida no tanque após cada período de chuva.
O importante agora é a prefeitura fazer a limpeza e cuidar também de não deixar água retida no tanque após as chuvas, pois além de uma perigosa “área de lazer” das crianças da região que estavam nadando no lago formado pela água parada, o tanque se transformou também num grande foco e criadouro do mosquito da dengue, fatos que tem deixado os moradores da Rua Sargento José Carlos da Silva bastante preocupados.
Portanto é necessário que a secretaria de obras fique atenta para que após as chuvas seja retirada a areia retida e que, nos períodos de estiagem seja escoada toda a água que ficar retida no tanque.
Mas não podemos esquecer da origem de todo o problema: O ABSURDO LOTEAMENTO NO CAULIM!
Estarei acompanhando os acontecimentos.

(Em tempo: esta matéria foi publicada antes de tomar conhecimento da represa construída pela prefeitura de Bicas no alto do morro, colocando em risco todos os moradores das imediações, conforme postagem do dia 02/02/2012)
.
Fotos: Amarildo Mayrink
.
Antes das chuvas.



Depois das chuvas.

Antes das chuvas.
Depois das chuvas.
Antes das chuvas.
Depois das chuvas.
Há que se retirar o grande volume de areia retido no tanque, cuidando para que a mesma não seja depositada em suas imediações, levando-as para um local seguro, para que não possam causar problemas a outros. 
 .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...